Entrevistas
Tonny Carllo

Publicado em 02/11/2013

Entrevista com o radialista Tonny Carllo da radio Superativa FM

Release:

      Antonio Carlos O. Dos Santos, Nascido em São Paulo. Filho do Casal - Irma e Durval. Desde pequeno sempre apaixonado por musica, seu Pai e sua Mãe lhe presentearam com um Gravador Aiko aquele com microfone e discos de vinil, que até hoje guarda com muito carinho! Anos dourados do disco seu primo Eduardo Aguilar era o grande Disk jockey (DJ) da noite paulistana, passando pela Aquarius, Hipopotamus, Lets Roller, Cave entre outras renomadas casas, e nessa Tonny Carllo o acompanhava e ficava na cabine de som, pois sempre havia fiscalização pelo Juizado de menores.

 

Nessa época alucinada por música, Tonny, gravava em fitas K-7 os programas de Julinho Mazzei (The Big Apple Show) direto de New York o mestre da Locução Dinâmica totalmente revolucionaria pra época e gravava em VHS Night Clip pela Tv Gazeta com Celso Russomano, Som Pop com Kid Vinil etc. Pegava textos publicitários e imitava então a locução desses grandes locutores da época como Rui Monteiro, Bob Floriano, Julinho Mazzei, Sérgio Boca, Serginho Leite, Emílio Surita, Banana entre inúmeros ícones. 1982 então surgem o grande presente na vida de Tonny, a oportunidade de trabalhar como Operador de Estudio na Rádio Antena 1 Fm 94,7 Mhz uma das primeiras segmentada ao estilo Flash Back. Antena 1 foi a primeira rádio FM comercial a investir em uma programação própria. Nessas andanças conheceu Guylenne Magdeleine Anne Marie France Vercellino (Guy Loup) A Isabel Cristina da novela O Direito De Nascer, ela tinha uma Agencia de Modelos Na Peixoto Gomide com Av. Paulista, onde Tony participou de desfiles e gravou comercias para a TV. Em 1985 um amigo da familia Luiz Carlos Panico apresentou Tonny à José Blota Junior, Advogado, Locutor, Apresentador e Produtor de Televisão.  Tonny fascinado pelo mundo do Rádio faz um trato, ou seja, faria primeiro o Curso SENAC Radialistas e então concluindo seria apresentado à Salomão Esper na Rádio Bandeirantes . Nesta época de SENAC foi realmente o grande aprendizado em todos os sentidos, com Profissionais do segmento como Antonio de Carvalho da Jovem Pan AM, Cesar Rosa da Band, hoje em Araraquara e os demais. E assim com diploma (DRT)  vai para Band Fm 96,1 Mhz estreiando em 1989  no ar com Manhã Show . Muitas pessoas bacanas passaram na vida de Tonny como José Calil da Rádio Globo em São Paulo, quando fez estágio no núcleo das transmissões esportivas. Pedro Bassan era o Diretor Artístico na Jovem Pan 2, quando foi testemunha ocular da fusão Analógica para Digital da emissora, era uma verdadeira espaçonave, enfim, a primeira a ser digitalizada. Então o Boom da vez seria as Produtoras de Eventos, e lá se vai Tonny e sua  irmã Nadja investir na idéia de fazer as coberturas e Produções de eventos empresariais e musicais, essa foi a linda época da Tonny & Nadja Producers. Logo começou a ficar mais próximo de Ituverava vindo com mais frequência onde não trabalhava mais em Rádio. Então mediante amizade com Vereda, Fernando Laranjeira e Cleber fundaram a Artmanha Eventos, fazendo Baile do Hawaii no Espigão em São Joaquim da Barra e logo mais promovendo Engenheiros do Hawaii na mesma. Fizeram uma fusão da Artmanha Eventos tambem com Daniel Gambi e Ewerton Quereza promovendo Rod Hanna na CEAGESP aqui em Ituverava. Mas algo lhe dizia pra voltar à São Paulo, então amigos do passado o questionavam para voltar e  fazer Rádio. Foi quando Renato Alves lhe apresentou à Mané Galindo (Suerativa FM), com a proposta de um Programa que era a sua cara o Adrenalina, então não pensou duas vezes em aceitar o desafio no ano de 2005 e continuar nessa cidade que sempre adorou desde pequeno. Sentindo lisonjeado com o carinho da população Ituveravense que te recebeu de braços abertos nas ondas da 105,9 MHz. Eis aqui um pouco da  trajetória de Tonny Carllo, de São Paulo para Ituverava. 

Entrevista:

NossoAgito - Como surgiu o rádio em sua vida?

Tonny Carllo - A música já era uma constante. Mas um amigo da Família Luís Carlos Pânico que era Repórter Policial me apresentou a José Blota Jr. Advogado, Locutor, Apresentador e Produtor de Televisão que vendo meu fascínio por Rádio me direcionou ao SENAC para o Curso de Radialista e em seguida me apresentara à Salomão Esper da Radio e Tv Bandeirantes .

NossoAgito - Qual foi a primeira rádio que você trabalhou? E Quais rádios por onde passou?

Tonny Carllo - A primeira Emissora foi Rádio Capital na Avenida 9 de Julho São Paulo, sendo operador do Programa Darcio Campos  em seguida fui para Antena 1 fm 94,7 Mhz , a convite do amigo José Calil fiz estágio na Rádio Globo na Rua Marechal Deodoro no núcleo esportivo e Jovem Pan com a Direção de Pedro Bassan como Diretor Artístico, fazia então as externas (Pedágios).

NossoAgito - Qual foi o seu primeiro programa no rádio que você começou a comandar sozinho?

Tonny Carllo - O primeiro foi em 1989 o programa Manhã Show pela Bandeirante FM 96,1 MHz com a direção de Marcelo Café.

NossoAgito - Você teve algum profissional da área como referencia, no qual você se espelhou?

Tonny Carllo - Sim Julinho Mazzei, Banana, Serginho Leite, professores do SENAC como Antonio de Carvalho da Jovem Pam AM e Cesar Rosa da Band FM, Rui Monteiro, meu saudoso padrinho Bolota Jr.

NossoAgito - Com tantos ritmos musicais, você acha que o trabalho do radialista fica mais difícil de escolher um caminho a seguir, para ter um bom resultado e fazer  uma carreira com sucesso?

Tonny Carllo - Na época quando comecei, os programas eram mais segmentados, e hoje para ter uma carreira de sucesso você tem que fazer um Mix dos estilos e principalmente o Sertanejo que é predominante agradando assim Gregos e Troianos.

NossoAgito - Porque você deixou as grandes emissoras de rádio de grandes nomes da capital pra vir trabalhar em uma emissora de rádio do interior, na cidade de Ituverava SP. Explique!

Tonny Carllo - Na verdade deixei grandes amigos com muitas portas abertas. No momento que me afastei das Rádios em São Paulo foi quando meu Primo Carlos Alberto, foi viajar para trabalhar em Boston (Massachusetts) e tive a oportunidade de morar com ele por 2 anos e então conhecer os Estados Unidos e Europa ficando um tempo por lá, este intercâmbio foi muito importante pra mim e quando voltei montamos a produtora de Eventos Tony & Nadja Producers . Com mais frequência em Ituverava,  mesmo amando Rádio eu não tinha interesse em voltar, então aconteceu  o convite de Renato Alves que me apresentou ao meu amigo hoje Mané Galindo.

NossoAgito - Você se imagina trabalhando em outro meio de comunicação que não seja o rádio?

Tonny Carllo - Amo Televisão passei a ter um convívio diário em várias quando conheci Guylenne Magdeleine, Anne Marie, France Vercellino, Guy Loup, Isabel Cristina a atriz da novela O Direito de Nascer na extinta TV Tupi, ela tinha uma Agência de Modelos e Manequins, onde fiquei apaixonado com os bastidores a parte técnica das emissoras, na verdade onde tudo acontece nessa caixinha de ilusões. Outro meio de comunicação pra mim seria Televisão.

NossoAgito - Que dica você daria ao jovem que está iniciando a carreira hoje?

Tonny Carllo - A dica é estar sempre atualizado ecleticamente com todos os ritmos musicais, ler muito que for de preferência, obter o diploma SENAC e tendo oportunidade fazer um curso de Inglês e estar familiarizado com as novas Tecnologias da Radiodifusão e primordial fazer rádio com amor e não por obrigação.

NossoAgito - Na sua carreira de radialista já aconteceu algum fato curioso ou engraçado com o ouvinte?

Tonny Carllo - Fato curioso, quando fui pego de surpresa para substituir o Locutor na época em que eu trabalhava na Antena 1 fm como operador. Cheguei ao meu horário indo para o estúdio de gravações , quando o Diretor disse que eu seria o folguista aquele mês e em 10 min entrei ao vivo ,quase morri, mas dei conta do recado e me virei bem com a participação dos ouvintes.

NossoAgito - O que o rádio significa para você?

Tonny Carllo - Significa pra mim a expressão com o mundo, com pessoas que precisam de carinho, alegria, ter um dia melhor e proporcionar isto aos ouvintes não tem preço. Como diz Julinho Mazzei eu também digo se meu nome não fosse este seria: Rádio. O Difusor de águas ara o mundo, comunicação com amor e profissionalismo.

NossoAgito - Se não fosse radialista, que profissão gostaria de seguir?

Tonny Carllo - Olha adoro Gastronomia, abriria um restaurante ou um Barzinho bem musical ou até mesmo seguiria Design de Interiores.

NossoAgito - Hoje você está no comando do programa Adrenalina na Rádio Super Ativa FM fazendo um Mix de todos os hits com participação ao vivo de ouvintes de todas as idades , você acha que este tipo de programa é  fácil de fazer? Fale um pouco dessa idéia que deu certo!

Tonny Carllo - Olha o Programa Adrenalina em 8 anos passou por várias mudanças ou seja, Blocos Musicais como Best Flash era 30 minutos de músicas dos anos 70, 80 e 90, com O Pagodaço 30 minutos de Samba e Pagode e o Rock Memory 30 minutos. Então vi que a receita de sucesso era mudar segurando o ouvinte com entretenimento (horóscopo, Trotes, notícias, novelas e participações) e o Mix do Sertanejo, Pop Nacional, Internacional, Flashes, Pagode etc... Vejo que pra fazer um programa neste estilo tem que ter Feeling em saber o que o ouvinte quer escutar. Eu toco em primeiro lugar o que eles curtem.

NossoAgito - Você já apresentou vários artistas; mas existe algum que você gostaria de entrevistar?

Tonny Carllo - Sim, Seu Jorge, Capital Inicial, Jorge Ben Jor, Phil Collins etc...

NossoAgito - Você mesmo já disse; tem curso de radialista, já teve uma empresa de eventos, já passou pela sua cabeça em largar o rádio e fazer outro tipo de trabalho?

Tonny Carllo - Sim, fui da turma de 1989 no SENAC São aulo, na época era impossível trabalhar sem o D. R. T hoje S. D. T. Por enquanto não penso em outra atividade, mas  tenho projetos em pauta e breve lhes informarei .

NossoAgito - Hoje com tanta tecnologia, como você compara o radialista dos anos anteriores e o radialista de hoje?

Tonny Carllo - Olha antigamente trabalhávamos o dobro, com o Vinil, os cartuchos, Decks de rolo os K-7 era a verdadeira arte de manipular todas as ferramentas da época com sincronismo e hoje em dia tudo foi compactado para facilitar o trabalho do Radialista com toda digitalização, mas tem que estar atualizado com esta tecnologia.

NossoAgito - Muitos profissionais da área  do rádio começa no AM , você também teve esta trajetória?

Tonny Carllo - Sim como operador na Rádio Capital do Programa Darcio Campos.

NossoAgito - Defina qual a diferença de radialista e locutor, tendo em vista que ambos trabalham com a voz?

Tonny Carllo - Radialista tem como função  a operação de equipamentos, montar programação, fazer trabalhos jornalísticos e o Locutor Gravar Vinhetas, Comercias, Apresentar Programas, mas hoje acontece um mix das funções na maioria das emissoras.

NossoAgito - Deus?

Tonny Carllo - Tudo em Minha vida

NossoAgito - Sucesso?

Tonny Carllo - Só se obtem com humildade

NossoAgito - Amor?

Tonny Carllo - A Semente

NossoAgito - Um lugar?

Tonny Carllo – Manhattan - New York

NossoAgito - Uma pessoa?

Tonny Carllo - Minha Mãe minha Rainha

NossoAgito - Uma frase?

Tonny Carllo - Só teremos um mundo feliz quando o próximo realmente respeitar o próximo e os charlatões se curvarem diante da sociedade reconhecendo seus próprios erros, para um futuro melhor.

NossoAgito - Deixe aqui suas considerações finais para os seus fãs.

Tonny Carllo - Muito feliz estar à 8 anos em uma Emissora que a cada dia cresce com inovações com núcleo de amigos que compartilham do melhor para fazer uma rádio com carinho à vocês . Obrigado por me receberem com este carinho pois o fruto deste sucesso vem de vocês ouvintes , espero levar muita alegria sempre à todos . Agradeço toda equipe do site NossoAgito.

 

 

Entrevista feita por Osvair Politano